Como comprar produtos importados

Rate this post

Você sabia que comprar produtos importados para revender pode ser uma ótima oportunidade de ganhar muito dinheiro? Principalmente para os que procuram abrir um negócio ou querem apenas complementar a renda. Pois saiba que com alguma dedicação e pouco investimento, você poderá trabalhar com facilidade de casa importando produtos. Afinal, os produtos vendidos no exterior são bem baratos e existem diversas formas de trazê-los legalmente para o Brasil. Veja algumas dicas de como comprar produtos importados para revendê-los, gerando um bom lucro.

Saiba o que importar

O primeiro passo para quem quer começar um negócio de importação e revenda é pesquisar quais produtos podem ser importados. Há uma enorme lista de produtos que têm seu comércio de importação restrito e alguns que são totalmente proibidos, não sendo possível trazê-los para o Brasil. Alguns deles são facas, armas, jóias, cigarros, entre outros.

Porém, há muitos produtos que são possíveis de importar e têm uma ótima margem de lucro para o revendedor. As mais rentáveis costumam ser roupas, sapatos, perfumes e eletrônicos de baixo custo. No exterior, principalmente na China e nos Estados Unidos, esses produtos possuem um valor reduzido, então, se você souber como revender produtos importados, poderá lucrar bastante aqui no Brasil.

Escolha bem seus fornecedores

Existe uma infinidade de sites e vendedores online dos quais você pode comprar seus produtos. Entretanto, nem todos são confiáveis, é preciso saber como comprar produtos importados. Por isso, é necessário pesquisar bastante na hora de escolher seus fornecedores. O mais indicado é comprar em lojas oficiais, pois elas oferecem ótimos preços e são confiáveis. Mas também é uma boa opção investir em produtos de lojas de redes conhecidas, como a Amazon ou o Walmart.

Muitas pessoas gostam de comprar em sites como o eBay e o Aliexpress. No entanto, apesar de serem bastante conhecidos, é preciso ter cuidado com eles. Nesses sites, você compra diretamente dos vendedores e são eles os responsáveis por sua compra, não o site. Por isso, é muito comum se deparar com vendedores desonestos ou que atrasam bastante a entrega, o que pode atrapalhar bastante o desenvolvimento do seu negócio. Caso queira comprar desse sites, leia sempre as avaliações dos vendedores e opte por entregas rastreadas, assim você diminuirá o risco de ficar no prejuízo.

Redirecione suas encomendas

Se você quer começar o seu negócio, mas não sabe como comprar produtos importados para recebê-los no Brasil, uma boa alternativa é apostar em serviços de redirecionamento. Assim, você pode fazer suas compras online normalmente, depois é só colocar o endereço nos EUA da empresa de redirecionamento e ela enviará o produto para sua casa.

O serviço é feito por um pequeno custo, que varia de acordo com o frete e o valor da encomenda. Entretanto, é bem cômodo e prático, pois você pode pedir para que seus produtos sejam testados antes do envio ou que sejam enviados de forma mais rápida. Além disso, ainda é possível juntar vários produtos de lojas diferentes em um mesmo pacote para o Brasil e economizar com o envio.

Comece uma loja virtual

Abrir uma loja online é uma das melhores dicas para quem está começando um negócio e ainda não sabe como revender produtos importados. Ao vender pela internet, você pode escolher entre ter um e-commerce ou um marketplace. Ambas são opções muito interessantes, entretanto, é preciso conhecer bem cada uma antes de decidir e ver qual se adequa mais ao seu perfil.

O e-commerce é uma loja online própria, exclusiva da sua marca, que você terá que administrar e garantir a divulgação adequada. Por isso, se optar por essa modalidade, já planeje seus gastos com estruturação do site, segurança e marketing. Já o marketplace, é como um shopping online, onde vários vendedores podem ter suas lojas. Essa é uma opção mais cômoda, pois você terá uma estrutura pronta e só precisará colocar seus produtos à venda. No entanto, nessa modalidade você terá uma menor margem de lucro, pois a concorrência é acirrada e você ainda terá que pagar taxas para os sites de marketplace. Antes de decidir, gaste um tempo analisando as vantagens e desvantagens de cada alternativa e tome uma decisão de acordo com suas necessidades e possibilidades financeiras

Caso queira saber como vender no Mercado Livre, que é um site de marketplace, clique aqui.

Leave a Reply